No inicio eu achei que era rebelde, achei que queria quebrar o padrão.

Hoje acho que sou rebelde por querer um padrão.

Sinto que ainda há um sopro de vida pra lutar contra as deturpações do cotidiano, mas ando tão preocupado em evoluir profissionalmente que dedico todas as minhas forças e mais. Estou cansado de correr contra o vento, de argumentar com as portas e cuidar de quem não se cuida.

O enfermo serei eu se deixar de ser passivo com essa situação.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s